sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

auto estima*

ooh yeah. não, não é sobre minha auto estima. ela está bem, obrigada. é sobre a dos outros que me incomoda. claro, tem todo aquele papo de não se meter com as ideias dos outros e tal, mas eu não me conformo com algumas coisas. tem gente que tem todos os motivos do mundo pra ser totalmente livre, totalmente despreocupado e desencanado consigo mesmo e mesmo assim consegue encanar com as coisas mais bobinhas possíveis. sem exemplos dessa vez :D
mas ai eu me pergunto: por que tudo isso? acho que é cegueira mesmo! falta de vergonha na cara! falta de vontade de encontrar aquilo que vc faz incrivelmente bem. nem que não seja tão bem assim, mas que seja de um jeito que ninguém mais faça. claro que tem, é só procurar. alguns tem a sorte de já nascer com essa percepção, outros não. o jeito é procurar, se esforçar e não deixar a bola cair nenhuma vez!
poderia ser psicóloga. é.

Um comentário:

  1. Liih, você demonstra coragem e atitude na vida. Isso, além de muito bom, também pode nos levar a radicalismos, há que ter cuidado. Há um fatorzinho na vida, o amor próprio (que você chama de vergonha na cara) que nos levanta mesmo depois dos piores tombos. Quem não tem... pois é: a auto-estima fica feito rabo de foca, gelada e se arrastando no chão.
    Não sei se sobreviveria como psicóloga por melhor que fosse: teria raros pacientes. A maioria das pessoas não gosta de franqueza, menos ainda da verdade.

    ResponderExcluir