segunda-feira, 1 de março de 2010

morte.

nada na vida é inevitável. talvez a única excessão seja a morte. seja ela dolorosa. seja ela rápida. seja ela inesperada. seja de dentro pra fora. ou de fora pra dentro.
não há o que possamos fazer. um dia vai chegar, de algum jeito. o que fica mesmo é o que você fez pras outras pessoas. os sorrisos que causou, os abraços que deu, os sentimentos que demonstrou. por mais que o tempo passe, isso vai ser importante pra alguém. em alguém lugar. em algum momento. o tempo vai passar e seu corpo se vai também. mas o que fica, o essencial, é invisível aos olhos.

ninguém sabe o quanto é importante pra mim. e sempre vai ser.

Um comentário:

  1. A recíproca eh verdadeira. e sempre vai ser.

    ResponderExcluir