sábado, 20 de março de 2010

o amor.

o amor não é comum. você só encontra o amor uma vez na vida. pode ser aquele cara que você conheceu no farol ou a garota que não te deu bola. pode ser o seu melhor amigo gay. ou aquele primeiro namorado da infância. o fato daquele ser o amor da sua vida não é garantia de nada. na verdade, nua e crua, são raros os casos em que se conhecem e que vivem plenamente esse amor. e eu digo raro porque além de se encontrarem, viver esse amor é o mais complicado.
o amor da sua vida não é alguém perfeito pra você. é quem você vai amar, de todo o coração, não importa o que aconteça. é alguém que você odeia, mas não sabe esquecer. e perceba, não disse que é quem vai te amar de todo o coração. e sim, quem você ama. porque a recíproca não é verdadeira nem nunca foi. são raríssimos os casos em que se pode amar com todo o coração e receber esse amor de volta. afortunados sejam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário