quarta-feira, 29 de junho de 2011

be my baby?



Querido amor, esse é um desabafo para você que tanto vem bagunçando o meu coreto e virando meus dias de cabeça para baixo. Por favor, por favor, entre em um acordo? Porque eu não sei muito bem o que você espera de mim e eu não tenho muita confiança para ir atrás das minhas respostas.
Tudo andava muito bem. Eu te guardei no fundo da última gaveta e, por mais que você desse uma voltinha de vez em quando, eu raramente tropeçava nas suas cores e odores. Disse ao mundo, disse a quem quisesse ouvir que você estava ali, embrulhado para presente, decorado com um milhão de tons vibrantes só me esperando reunir coragem pra te enviar para o outro lado do mundo. Porque vamos combinar, era lá que você deveria ficar. Deveria ficar esperando a minha raiva crescer e se tranformar numa passagem só de ida para longe de mim.
Mas não há razão nos caminhos do amor, certo? Tanto que eu ainda não achei nexo nenhum até hoje. Eu te dei um descanso, te tirei de campo, te coloquei de molho para que eu nunca mais precisasse fingir que sua presença era bem-vinda.
Até que você se cansou de ficar por lá. Não sei bem o porque, mas quando me dei conta, te vi correndo pelo meu quarto e me tirando para dançar, como se nunca tivesse ficado confinado naquela gaveta escura e umedecida. E hoje você está aqui, rodopiando em frente aos meus olhos dia e noite, me tirando o sono. Visto tudo isso e tudo o que você já me causou, aqui vai um apelo sincero: se mantenha onde está e nunca mais saia daqui, ok?


'I saw an angel'

domingo, 19 de junho de 2011

pra quê entender?

thor. e kaleo.


E aqui vai meu apelo de mulher para mulher: cuide bem dele.
Quando ele chorar, não tente interromper. Ouça o que ele disser e só o abrace. Ele provavelmente vai chorar ainda mais. Mas passa logo.
Por mais difícil que seja, nunca desista do arrepio. Demora, mas o olhar que ele vai te lançar vale qualquer sacrifício.
Quando forem ao cinema, esteja preparada para perder ao menos uma cena do filme. Mas eu garanto, nem o Jake vale tanto a pena assim.
Explore a curva suave entre o começo da nuca e o fim do cabelo. Costuma dar resultados.
Quando ele sorrir, olhe em seus olhos. Vão dar algumas piscadas e ficarão mais claros do que nunca. Não há nada mais sexy no mundo.
Compre cera quente. Ele grita como uma menininha.
Ache o lugar entre a clavícula e o peitoral que sua cabeça se encaixe. Você nunca mais vai querer sair dali.
Laterais finas e duplas fazem sucesso.
Tenha um cachorro que goste de canela. É como ver a felicidade pura na sua frente.
Tire pelo menos trinta e seis fotos com ele e você pode ter uma nova decoração para o seu quarto.
Esqueça o jeans. Malha é mais confortável.
Guarde dois terços do seu dia para os presentes. Valem mais do que imagina.
Nunca deixe de conferir se a lanterna do carro ficou acesa.
Aprenda a não fazer ações bruscas. Sensores de movimento te levam a sério.
Quando ele dormir, observe como as cores são mais fortes no centro do rosto. É angelical.
E se você chorar, pode esperar por um lenço. Ou um pano. Ou os lábios mesmo. Só cuide bem deles.

terça-feira, 14 de junho de 2011

quer mesmo saber?



Esta é a hora de pôr as cartas na mesa. Hora de dizer o que ficou subentendido. Hora de colocar as coisas em pratos limpos.
Sou louca por você desde a primeira vez que te vi. Desde que bati os olhos em você eu tive certeza que algo estranho aconteceu. E não me venha com esse papinho mequetrefe de que eu nunca disse isso antes. Disse muitas vezes, só que sem as palavras. Disse o que você não esperava ouvir. Disse desse jeito só meu.
Mas agora eu estou aqui, gritando para quem quiser ou precisar ouvir: EU SOU LOUCA POR VOCÊ. Por absolutamente tudo seu. Então não me venha com desculpas, elas não colam mais e eu não vou levar a culpa dessa vez sozinha. Porque se eu não soube falar, você também não soube ouvir. Mas ler você sabe, né? ;D


'se parecer estranho não dizer te amo também, foi porque no passado eu já disse tanto a alguém que não deu valor que me machucou demais, tentou levar a minha paz. agora não é tão fácil assim levar o sentimento em mim'