terça-feira, 6 de setembro de 2011

wind



Não achei que seria assim, mas ansiava desesperadamente pela volta da nossa rotina. Foram longas semanas em que eu tentei, da melhor forma possível, me manter impassível. Tentei manter a paixão acesa no meio de tamanha ventania.
Quem diria, foi complicado e estressante. Mas quando a ficha caiu e o céu clareou, me vi olhando dentro dos seus olhos. E encarei a felicidade refletida ali. Como se eu pressentisse a vinda de bons ventos, tudo que eu mais queria era ficar ali naquele nosso mundinho. Mundinho que já pode voltar a fazer parte da nossa rotina de novo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário